Nuclehum Nuclehum Nuclehum Nuclehum Nuclehum Nuclehum
Cirurgia do Câncer do Aparelho Digestivo

O câncer pode ocorrer em qualquer órgão do aparelho digestivo, e é, na imensa maioria das vezes, de tratamento cirúrgico, que consiste na retirada do órgão no todo ou em parte, e na reconstrução ou substituição do órgão retirado para restabelecer a função perdida. Alguns casos podem necessitar de tratamentos complementares com quimioterapia ou radioterapia.

Os tumores mais comuns do aparelho digestório são os do estômago e do intestino grosso, mas podem ocorrer no fígado, pâncreas, esôfago, vesícula biliar, baço, ou seja, em qualquer órgão abdominal.

A prevenção ainda é o melhor tratamento para os tumores, pois ainda não se conhece a origem e a causa para o aparecimento da maior parte desses tumores, e o tratamento quando iniciado nas fases iniciais da doença apresenta altos índices de cura, ao contrário dos tumores em fase avançada, onde a chance cura é bastante restrita.

Exames comuns como ultrassonografia, endoscopia digestiva e colonoscopia são capazes de detectar a grande maioria dos tumores do aparelho digestório, e o médico especialista saberá indicar a melhor forma de prevenção ou de tratamento em cada caso.

Endocrinologia

O que é Endocrinologia?



É a especialidade médica que cuida das desordens das glândulas endócrinas, isso é, as que produzem hormônios.


Acupuntura

O que é Acupuntura ?



A acupuntura consiste na aplicação de agulhas, em pontos definidos do corpo, chamados de "Pontos de Acupuntura" ou "Acupontos", para obter efeito terapêutico em diversas condições.


Cirurgia Geral

Em que consiste a Cirugia Geral ?



Esta especialidade médica ocupa-se do estudo dos mecanismo fisiopatológicos, diagnóstico e tratamento de enfermidades passíveis de abordagem por procedimentos cirúrgicos.


Psiquiatria

O que é Psiquiatria ?



Psiquiatria é uma especialidade da Medicina que lida com a prevenção, atendimento, diagnóstico, tratamento e reabilitação das diferentes formas de sofrimentos mentais, sejam elas de cunho orgânico ou funcional, com manifestações psicológicas severas. São exemplos: a depressão, o transtorno bipolar, a esquizofrenia, a demência e os transtornos de ansiedade.